Ir para o conteúdo Ir para o menu principal Configurações Busca
(11) 3339-8280 / 8227 ou 8228
Segunda à Sexta-Feira das 13h às 17h
Entre ou Cadastre-se

Resumo da Proposta

Dados do Proponente

Número CGP/Protocolo

4864568980

Nome do Responsável Legal

Ana Lúcia Valente de Souza Marcondes

CPF

143.019.218-69

RG

149229379

Razão Social

VIA CULTURAL - INSTITUTO DE PESQUISA E AÇÃO PELA C

Nome Fantasia

VIA CULTURAL

CNPJ

07.736.439/0001-26

Inscrição Estadual

...

Dados da Proposta de Projeto

Código do Projeto

27871

Nome do Projeto

VIA ARTE PARA TODOS

Segmento Cultural

Artes plásticas, visuais e design

Data Início

01/07/2019

Data Fim

28/02/2021

Resumo do Projeto

O Projeto VIA ARTE PARA TODOS contempla uma programação anual e gratuita aberta ao publico. A Via Cultural trabalha desde 2005 realizando projetos de arte e cultura para construir um mundo mais acessível, igualitário e possível. Segundo Ernest Fischer em “A Necessidade da Arte”, a função da arte não está apenas no fato de levar o homem a conhecer e mudar o mundo, mas também em seu caráter mágico, pela magia de transformar (e transportar) a natureza que lhe é inerente. Fazemos e levamos a diferença e para a inclusão cultural e educativa da população.

Descrição

O PROJETO VAI REALIZAR ATIVIDADES SEMANAIS NO PONTO DE CULTURA, RUA BRIGADEIRO TOBIAS, 118 - 39° ANDAR, CENTRO - SÃO PAULO. NOSSA PROPOSTA PREVÊ UM CALENDÁRIO COM DIVULGAÇÃO PREVIA E INSCRIÇÕES ONLINE E NO LOCAL, DISTRIBUIÇÃO DE CARTAZES EM PONTOS DE CULTURA DA CIDADE E PROGRAMAÇÃO MENSAL TOTALMENTE GRATUITA. ATIVIDADES: OFICINAS DE MOBGRAFIA E LINGUAGEM DIGITAL, ENSAIOS, LEITURAS, DEBATES E EXPOSIÇÕES.

Objetivos

OBJETIVO GERAL: REALIZAR 10 EVENTOS CULTURAIS, SENDO ESTES OS RESULTADOS DA DAS OFICINAS, DEBATES E ATIVIDADES DO INSTITUTO. OBJETIVOS ESPECÍFICOS: • PROMOVER ESTUDOS E ENSAIOS FILOSÓFICOS. • PROMOVER A DIVULGAÇÃO DA MOBGRAFIA E DA CULTURA DIGITAL DE QUALIDADE. • AMPLIAR O REPERTÓRIO DE NARRATIVAS NA CIDADE E DA CIDADE COM CAMINHADAS NO TERRITÓRIO; • PROMOVER A CONVIVÊNCIA E TOLERÂNCIA INTERGERACIONAL E DA DIVERSIDADE NO TERRITÓRIO. METAS: • REALIZAR PARCERIA COM ARTISTAS, ATORES E FOTÓGRAFOS • REALIZAR 10 EVENTOS CULTURAIS ABERTOS AO PÚBLICO . REALIZAR 6 SAÍDAS COM GUIA PARA PERCURSO FOTOGRÁFICO SOBRE A MEMÓRIA E ARQUITETURA DO CENTRO ANTIGO • 200 INSCRITOS PARA AS OFICINAS • 1000 PARTICIPANTES NOS EVENTOS CULTURAIS

Justificativa do Projeto

A IDEIA DE UTOPIA E DA RESSIGNIFICAÇÃO DA CIDADE E SEUS ESPAÇOS, VEM ATRELADA A PROPOSTA DE POSSIBILITAR A REUNIÃO DE VISÕES MÚLTIPLAS E CARTOGRÁFICAS DE NOSSO TERRITÓRIO, APRESENTANDO O COTIDIANO DA POPULAÇÃO ATRAVÉS DA FOTOGRAFIA E DA PROJEÇÃO DE MOMENTOS INSPIRADORES QUE POSSAM CONVOCAR A UMA REORGANIZAÇÃO. UMA DAS INSPIRAÇÕES PARA OS IDEAIS DA INICIATIVA É 'O CORPO UTÓPICO, AS HETEROTOPIAS', DE MICHEL FOUCALT, QUE DEFENDE A EXISTÊNCIA DA UTOPIA ATRAVÉS DAS ATIVIDADES E DA DOMINAÇÃO DE ESPAÇOS E TERRITÓRIOS PELO HOMEM. NO PONTO DE CULTURA DO INSTITUTO AS CONVERSAS E DINÂMICAS GANHAM A CIDADE, AS RUAS. TEMOS ATUADO NO CENTRO DESDE 2008, SEMPRE COM FOMENTO E PARCERIAS E PRECISAMOS MANTER O ESPAÇO E O IMOBILIZADO PARA CONTINUAR ATUANDO, ASSIM COMO NOSSA EQUIPE.

Contrapartida do Projeto

Acessibilidade A Proponente obedecerá ao disposto no artigo 3º, XI combinado com os artigos 25, 26 e 27 da IN nº 01 de 24 de junho de 2013, e informa que o local onde será realizada a exposição, possui as medidas de acessibilidade necessárias que objetivam priorizar e facilitar o livre acesso de idosos e pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, de acordo com a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, promulgada pelo Decreto nº 6.949, de 25 de agosto de 2009. Democratização de Acesso A Proponente respeitará o disposto no artigo 30 da IN nº 01 de 24 de junho de 2013, eis que a inscrição para as atividades é gratuita. O site e documentação disponibilizada on-line aplicarão medidas que promoverão o acesso e fruição de bens, produtos e serviços culturais, visando dar atenção às camadas da população menos assistidas ou excluídas do exercício de seus direitos culturais por sua condição socioeconômica, etnia, deficiência, gênero, faixa etária, domicílio, ocupação, para cumprimento do disposto no art. 215 da Constituição Federal, medidas devidamente comprovadas na prestação de contas. DA CONTRAPARTIDA: a). Os materiais das oficinas são gratuitos para fomentar a fruição de bens e produtos serviços culturais a camadas da população menos assistidas ou excluídas do exercício de seus direitos culturais por sua condição socioeconômica, etnia, deficiência, gênero, faixa etária, domicílio, ou ocupação; b). A acessibilidade aos debates, workshops, oficinas, leituras e exposições é garantida, pois, ocorrem em equipamento com entrada que facilita o livre acesso de idosos e pessoas com mobilidade reduzida e tem 4 elevadores grandes. c). As publicações e impressos produzidos pelo Instituto assim como toda a programação in e online, terão os logos do Governo do Estado de São Paulo, Secretaria Estadual de Cultura, ProAC e patrocinador, e enviaremos, para o acervo da Secretaria Estadual da Cultura, 5% (cinco por cento) da tiragem do material produzido no ano além de fotos dos eventos, autorizando (I) exibição pública de caráter cultural e sem fins lucrativos, (II) utilização do material em equipamentos culturais do Governo, inclusive com permissão de empréstimo aos usuários desses equipamentos, (III) doação das cópias a entes da Administração Pública ou a entidades privadas sem fins lucrativos, e (IV) outras que a Administração entender conveniente e oportuna. Ampla divulgação nas redes sociais e sites como Catraca livre e de parceiros.

Outras Informações

TODO PROJETO DO INSTITUTO É GRATUITO. TODAS AS ATIVIDADES SÃO PROPOSTAS DENTRO DE METODOLOGIA PRÓPRIA DO INSTITUTO E NOSSAS ATIVIDADES ACOLHEM, INSTIGAM E ABREM POSSIBILIDADES. TEMOS COMPUTADORES, NOTEBOOKS, MAQUINAS DIGITAIS, PROJETOR, ESTRUTURA COMO MESAS CADEIRAS, BANQUETAS, LIVROS, E MUITO MATERIAL. PRECISAMOS MANTER NOSSO ESPAÇO. NOSSA METODOLOGIA DE TRABALHO "OFICINALMENTE - UM OLHAR RESTAURADO PARA UM NOVO CONTEXTO", TRADUZIDA EM CARTOGRAFIA ABRAÇA: . A AUTO-CONSCIÊNCIA, . O RECONHECIMENTO SIMBOLÓGICO, . AS NOVAS DIMENSÕES POLÍTICO-SOCIAIS, ECONÔMICAS E ARTÍSTICAS, . AS IDENTIDADES REGIONAIS, . A IMAGINAÇÃO, . A RACIONALIZAÇÃO, . A PERCEPÇÃO LINGÜÍSTICA E EMOCIONAL, . A ATITUDE, O OLHAR, O RECONHECIMENTO DO JOGO ESPAÇO/TEMPO PLANO DE TRABALHO: • MESES 1 E 2 - ESTABELECIMENTO DE PARCERIAS; DEFINIÇÃO DE LOCAIS, DATAS E HORÁRIOS; DIVULGAÇÃO E INSCRIÇÕES; PLANEJAMENTO DAS FORMAÇÕES E DOS SARAUS: PREPARAÇÃO DE MATERIAIS, CONTROLES E ELABORAÇÃO DE SISTEMA DE MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO. • MESES 3 AO 11: ATIVIDADES DE FORMAÇÃO E EVENTOS CULTURAIS; REUNIÕES TÉCNICAS DE MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO; • MÊS 1 AO 12: COMUNICAÇÃO – VEICULAÇÃO DE INFORMATIVOS, NOTÍCIAS, SITE, REDES SOCIAIS E PRODUÇÃO GRÁFICA DE RELATÓRIO FINAL; • MÊS 12: ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS FINAIS PARA PRESTAÇÃO DE CONTAS AVALIAÇÃO: A AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUA, DIAGNÓSTICA, PROCESSUAL E PERMEARÁ O ANO TODO. ESTES DOCUMENTOS SÃO TABULADOS E SISTEMATIZADOS, PERMITINDO QUE O CRUZAMENTO DAS INFORMAÇÕES ENTRE OS FORMULÁRIOS PRÉ E PÓS FORMAÇÃO, APRESENTEM A UTILIZAÇÃO VIRTUOSA DO ESPAÇO. PARÂMETROS DE AFERIÇÃO DAS METAS INDICADORES QUANTITATIVOS E QUALITATIVOS: • NÚMERO DE EVENTOS E DE PARTICIPANTES • NÚMERO DE LEITURAS E DEBATES E NUMERO DE PARTICIPANTES • NÚMERO INSCRITOS PARA PARTICIPAR DAS OFICINAS • NÚMERO DE RELATÓRIOS DE ATUAÇÃO DAS EQUIPES TÉCNICAS E ADMINISTRATIVAS • DEPOIMENTOS DOS PARTICIPANTES • REGISTRO FOTOGRÁFICO DAS ATIVIDADES MEIOS DE VERIFICAÇÃO: • PARCEIROS • COLETA DE DEPOIMENTOS • FICHAS DE AVALIAÇÃO DOS PARTICIPANTES • DECLARAÇÕES DE REALIZAÇÃO DO PROJETO

Locais de Realização do Projeto

PONTO DE CULTURA VIA CULTURAL São Paulo (capital) - SP
PONTO DE CULTURA VIA CULTURAL São Paulo (capital) - SP
PONTO DE CULTURA VIA CULTURAL São Paulo (capital) - SP
PONTO DE CULTURA VIA CULTURAL São Paulo (capital) - SP
PONTO DE CULTURA VIA CULTURAL São Paulo (capital) - SP

Dados do Responsável Técnico/Artístico

ANA LUCIA VALENTE DE SOUZA MARCONDES 143.019.218-69

Dados da Ficha Técnica do Projeto

Nome CPF ou CNPJ Função
Ana Lucia Valente de Souza Marcondes 143.019.218-69 Coordenação Geral
Eduardo Cordeiro de Araújo 087.856.458-69 Assistente de Produção
Fernanda Bizon 427.930.048-80 Assessoria de Comunicação
Maria Aparecida Ferreira 088.219.308-23 Auxiliar Administrativo
Rodolfo D'Elia 395.695.408-42 Coordenação de Programação

Dados de Direitos Autorais

Detentor Acervo/Imóvel/Bem Envolvido
Via Cultural Instituto Metodologias, imobilizado, acervo fotográfico, equipamentos multimídia e fotográficos.

Resumo das Fontes de Financiamento

Fontes de Financiamento Externas Valor
Fontes de Financiamento do Programa de Ação Cultural Valor
Incentivo Fiscal (Lei 12.268/06) R$245.554,00

Valor Total: R$245.554,00

Apoio a Comissão de Análise de Projetos

proacicms_cap@sp.gov.br

(11) 3339-8236 / (11) 3339-8001

Financeiro

financeiroproac@sp.gov.br

(11) 3339-8311 / 8101 / 8556

Prestação de Contas

pcproac@sp.gov.br

(11) 3339-8269 / 8310